*Mensagem Nº 31* – 7/6/2018

Muitos participantes da lista de transmissão e aqueles que nos acompanham no Facebook nos procuraram perguntando sobre a questão da dependência química sob o olhar da Logoterapia.

Atendendo a estes pedidos, escolhemos para esta mensagem o artigo “A Relação da Dependência Química e o Vazio Existencial”, da autora Denise Gersen Pinto Coelho, profissional competentíssima e amiga da equipe AgirTrês. Vale lembrar que as constatações aqui presentes não expressam necessariamente as opiniões do Núcleo, mas são afirmações decorrentes da pesquisa realizada pela autora.

RESUMO

A relação da dependência química e o vazio existencial são fatos tão complementares, que só mergulhando na origem do problema será possível compreender esta relação. As constantes queixas dos usuários de droga sobre sensação de um vazio despertaram em mim a necessidade de aprofundar neste tema. O objetivo deste estudo é compreender a relação entre a dependência química e o vazio existencial e qual estrutura de personalidade de base atua no dependente, contribuindo para o desenvolvimento do ciclo vicioso da dependência química. A metodologia utilizada foi a revisão bibliográfica, qualitativa, na perspectiva da Análise Existencial da Logoterapia. Percebe-se na contemporaneidade mudanças significativas nas buscas humanas como: o imediatismo, o consumismo, busca pelo prazer e pelo ter, colaborando para o aumento inevitável do vazio existencial e dependências de modo geral.

“Por trás de uma doença existe um ser humano, livre, responsável capaz de autotranscender.” Viktor Frankl

Para ler o artigo completo acesse o link a seguir: ARTIGO-REL. DEP. QUIMICA

Boa leitura! Acesse nossa página e saiba mais sobre nossos cursos e eventos!

Abraços e até breve!

Simone Guedes

Diretora Educacional do *Núcleo de Logoterapia AgirTrês*

 

*Mensagem Nº 24* – 14/02/2018

É com muita alegria que o Núcleo de Logoterapia AgirTrês recebe a psicóloga Clara Martinez em 10 de março, para nosso 1º evento de 2018! Nossa querida amiga e palestrante colombiana, abordará durante o Workshop a Logoterapia voltada para a prática clínica com crianças e adolescentes. Para mais informações acesse o link: http://bit.ly/Workshop-de-Logoterapia

Aproveitando o tema, escolhemos para esta mensagem o artigo “AVALIAÇÃO DE UMA PROPOSTA DE PREVENÇÃO DO VAZIO EXISTENCIAL COM ADOLESCENTES”, publicado em Psicologia: Ciência e Profissão vol.31 no.1, Brasília, 2011; de autoria de Thiago Aquino e outros.

RESUMO
O objetivo do presente trabalho foi validar uma proposta de prevenção do vazio existencial em um grupo de estudantes adolescentes. Participaram deste estudo 33 estudantes que estavam no segundo ano do ensino médio, sendo 11 do sexo masculino e 22 feminino, com idade média de 16,5 anos e amplitude de 14 a 18. Os participantes foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos. Assim, foi constituído um grupo experimental e um grupo controle. Os adolescentes do grupo experimental participaram de um programa de intervenção denominado prevenção do vazio existencial, com o objetivo de aumentar a sensação de sentido de vida. No primeiro encontro, foi aplicado o pré-teste (Pil-test) tanto para o grupo experimental quanto para o grupo controle, e, ao término, foi aplicado o pós-test para os dois grupos. Para a análise dos dados, utilizou-se o Test t de student para medidas repetidas. Os resultados sugerem que a intervenção promoveu o desenvolvimento da sensação de sentido de vida, pois foi constatado um aumento do nível de realização existencial bem como a regressão dos níveis de desespero e de vazio existencial dos participantes do grupo experimental.

“É na infância que o ser humano orienta seu sentido e facilita ou desvia da voz de sua consciência.
A Logoterapia facilita este processo de autoconsciência reflexiva.” Clara Martinez

Para ler o artigo completo acesse o link a seguir: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932011000100013

Boa leitura! Acesse nossa página e saiba mais sobre nossos cursos e eventos!

Abraços e até breve!

Simone Guedes
Diretora Educacional do *Núcleo de Logoterapia AgirTrês*

“Vamos conversar!” | Prevenção, Depressão e Realização de Sentido

IMG-20170323-WA0023No dia 7 de abril celebramos o Dia Mundial da Saúde! Desta vez, a OMS destaca a importância da prevenção e do tratamento da depressão, um mal que atinge cerca de 350 milhões de pessoas no mundo. A Logoterapia nos apresenta um novo olhar sobre esse transtorno explorando o conceito de noogenia.

A Logoterapia nos mostra que nem toda depressão é patogênica (pathos), ou seja, que nem sempre se trata de uma doença física, cujo tratamento inclui medicação. Em tempos líquidos como os nossos, a maioria das depressões são noogênicas (do termo grego “noos”, que significa “mente”), ou seja, são fruto de uma dimensão especificamente humana, advém da falta de sentido e do fato de as pessoas viverem dentro de um vazio existencial.

A maioria das pessoas adoecem por conta dessa frustração existencial. Diferentemente, quando a pessoa encontra o seu sentido, o seu “para quê”, ela é capaz de suportar e superar tudo.

Para identificar se a depressão é patogênica ou noogênica, é essencial realizar um psicodiagnóstico adequado com um profissional qualificado para só depois iniciar um tratamento.

Em muitos casos, inclusive, faz-se necessária uma equipe interdisciplinar (psicólogos, médicos etc.) e que falam “a mesma língua”, ou seja, com uma visão comum. Nesse sentido, para diagnosticar uma depressão noogênica, é importante que os diferentes profissionais trabalhem dentro da abordagem da Logoterapia.

Nós, da AgirTrês, não só apoiamos como queremos reforçar esta importante campanha “Vamos conversar!“, inclusive abrindo espaços para que possamos nos conectar e trocar conhecimentos. Conheça nossas áreas de atuação e entre em contato para mais informações: psicoterapia, coaching logoterapêutico, orientação familiar, além de nossos cursos e eventos.